Esportes


 Enviar matéria por e-mail

Oswaldo culpa nervosismo por derrota do Botafogo

Tamanho da Fonte      Agência Estado 25/06/2012 às 09:16

O técnico Oswaldo de Oliveira culpou a falta de tranquilidade dos jogadores do Botafogo pela derrota da equipe por 2 a 1 para a Ponte Preta, domingo, no Engenhão, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O time viveu uma semana turbulenta, com especulações sobre saída de jogadores, como Maicosuel, Herrera e Loco Abreu.

"Faltou tranquilidade. Nossa equipe foi intranquila e sentiu a postura bem organizada do adversário. Não conseguimos furar esse bloqueio que a Ponte Preta impôs. Eles conseguiram aproveitar as chances que tiveram em contra-ataques", analisou.

Para Oswaldo, o Botafogo fracassou nas tentativas de encontrar espaços na defesa da Ponte Preta. "Tivemos dificuldades quando o adversário não saiu para nos atacar, tivemos dificuldade de penetrar nas defesas. Isso foi o ponto principal nas partidas que perdemos", afirmou.

Assim, Oswaldo admitiu que o Botafogo ainda tem dificuldades para superar times retrancados. "Nas nossas vitórias, encaramos equipes de maior poder ofensivo e que partiram mais para cima", disse. "Eles deram apenas dois chute ao nosso gol no segundo tempo, e conseguiram a vitória".

A derrota para a Ponte Preta foi a segunda do Botafogo como mandante neste Campeonato Brasileiro. Oswaldo, porém, tentou minimizar o retrospecto ruim em casa. "Hoje não merecemos a vitória, ao contrário do jogo contra o Cruzeiro, quando tivemos 2 a 0 no placar e o controle do jogo. Estamos iniciando a competição. Perdemos dois jogos dentro de casa, mas vencemos dois fora também, quando tínhamos as estatísticas contra".

Com o adiamento da partida contra o Corinthians, o Botafogo só volta a jogar no Campeonato Brasileiro no dia 7 de julho, em casa, contra o Bahia, em partida válida pela oitava rodada. Com a derrota para a Ponte Preta, a equipe caiu para o sétimo lugar, com nove pontos.


Classificação Atual       ( 0 ) Dê a sua classificação: